Buscar

4 PASSOS PARA MANTER SUA SAÚDE DIGESTIVA



Fique atento às formas de proteger e cuidar melhor do seu aparelho digestivo


1º passo: fique atento!

Muitas pessoas sofrem em algum momento da vida dos mais variados sintomas de doenças do aparelho digestivo como náuseas, prisão de ventre, dor abdominal, azia, refluxo e episódios de diarreia. No entanto, os sintomas podem não parar por aí. Mau hálito, dores de barriga, alteração nas fezes e irritação frequente no estômago podem ser mais alguns alertas de que algo não está como deveria e que é hora de procurar um médico.


Dados da Sociedade Brasileira de Coloproctologia (SBCP) apontam que cerca de 30% dos brasileiros sofrem de algum tipo de alteração intestinal, no entanto, 90% desta parcela não busca atendimento médico ou pior, se automedica. O que poucas pessoas sabem é que o mau funcionamento do sistema digestivo pode, na verdade, mascarar doenças mais graves, como cânceres de estômago e intestino.

O câncer de estômago e de intestino são os mais comuns no aparelho digestivo. No caso desses tumores o fator genético é muito importante, por isso, pessoas cujos pais, tios ou avós tiveram esses cânceres devem iniciar a investigação e prevenção mais cedo. No entanto, esses cânceres também se associam à dieta adotada. Assim, o aumento do consumo de fibras e alimentos integrais, e a redução no consumo de carne vermelha podem reduzir a chance do surgimento dessas doenças.


2º passo: saiba o que pode prejudicar sua saúde digestiva

É importante ressaltar que outras doenças que afetam o aparelho digestivo como a gastrite, a constipação intestinal, o refluxo gastroesofágico e a síndrome do intestino irritável, por exemplo, estão associadas e também são consequência de hábitos de vida pouco saudáveis. Alimentação desequilibrada, sedentarismo, excesso de álcool, tabaco e estresse são os maiores vilões da saúde digestiva. Evite-os!


3º passo: não deixe o peixe morrer pela boca

Quando o assunto é saúde digestiva o peixe pode acabar morrendo pela boca sim! Nosso trato digestivo é diretamente afetado pelo que comemos. Assim, quando mudamos nossos hábitos alimentares estamos, consequentemente, melhorando nossa saúde digestiva e podemos experimentar a sensação de bem-estar. Pensando nisso, algumas dicas valiosas podem ser seguidas no dia a dia:

  • Evite café e álcool em excesso;

  • Adote uma dieta variada, rica em grãos integrais, verduras, legumes e frutas;

  • Foque no consumo de alimentos com baixa quantidade de açúcares, gorduras, sódio e conservantes;

  • Evite o consumo de alimentos processados ou industrializados;

  • Mantenha-se hidratado.


4º passo: não descuide do físico e do emocional

Atualmente sabemos que o intestino é nosso segundo cérebro e, além de ser responsável pela manutenção da nossa saúde física e mental. Para garantir a boa manutenção da saúde digestiva, outros hábitos, para além dos alimentares, também podem e devem ser adotados:

  • Mantenha-se em movimento! A prática diária de alguma atividade física moderada é fundamental;

  • Para além de cuidar da saúde digestiva, não comprometa seu pulmão e aparelho respiratório: evite fumar;

  • Busque estratégias para aliviar os níveis de estresse. Uma boa dica é inserir pequenas pausas durante o expediente para alongamentos

FONTE

0 comentário